Cinema, Arte e o Câncer

cinema_interna

 

 

 

 

 

 

 

 

Câncer.

Você conhece alguém que tem, que faleceu ou que ja teve algum familiar com esta doença. E sabe também o quanto é complicado e delicado a situação dos pacientes que passam por um tratamento de remissão.

Muitos profissionais procuram então, na medida do possível e dentro de suas áreas, fórmulas inovados de cura, ou melhoras, para o tratamento desta terrível doença.

Seguindo esta linha de raciocínio, a equipe de Terapia Ocupacional do Hospital de Câncer Tarquínio Lopes Filho, no Maranhão, criou um projeto inusitado para ajudar os pacientes internados a saírem da rotina exaustiva de um tratamento contra o câncer. Eles desenvolveram o “Cinema nas Enfermarias”onde, através da exibição de filmes, eles buscam contribuir com o tratamento de uma maneira diferente e positiva.

O conteúdo dos filmes, que são passados semanalmente, é visto e avaliado primeiro pela equipe, que tenta evitar mensagens muito fortes ou inadequadas para os pacientes em tratamento. A exibição dos filmes tem mostrado grande aceitação e a equipe de terapeutas ocupacionais pensa em colocar em todas as 105 enfermarias do hospital.

Trouxe essa notícia hoje, porque achei a proposta incrível, e simples ao mesmo tempo.

Foto-1_Julyane-Galvão_SES_21072016-Pacientes-do-Hospital-de-Câncer-Tarquínio-Lopes-Filho-aprovam-‘Cinema-nas-enfermarias’-1024x683

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Aqui, na equipe do Psicocast, damos muito valor para a expressão artística, tanto que estamos desenvolvendo uma serie muito interessante de podcasts nos quais relacionamos psicologia com fotografia, escrita, desenho e música. Percebemos ao longo dessa jornada o quanto é importante a expressão de arte por parte do indivíduo, o que lhe ajuda a passar por determinados momentos na sua vida.

Esta iniciativa no hospital Tarquínio Lopes Filho demonstra o quanto podemos trabalhar com as artes, para o desenvolvimento e experiencias do indivíduo, de forma simples e eficaz.

As vezes, fico pensando em como podemos levar arte para projetos sociais, na área da educação e saúde e varias ideias vem a cabeça. Dentre estas ideias sempre penso em como poder contribuir para a medicina em tratamentos de caráter mais denso, como o tratamento contra o câncer.

Este projeto no Maranhão me mostrou o quanto a simplicidade pode fazer a diferença e abriu novos caminhos em minha mente para os conteúdos simples que já dispomos elaborados  a utilidade estratégica.

Compartilho esta notícia com você, que visita o Psicocast, desejando que esta reflexão seja sua também. E se você também conhece algum projeto semelhante manda pra gente pelo psicocastblog@gmail.com. Compartilhar conhecimento é nosso enfoque, e trocar experiências é o que nos mantém num contato vivo e dinâmico com o mundo.

Rafael Cerqueira

view all posts

Escritor de meia tigela, editor e idealizador do Piscocast, universitário nerd, amante da psicologia e apaixonado por conhecimento.

0 Comments

Join the Conversation →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *